26
Out
06

Longe, perto do nada.

    Existem momentos em que por necessidades corremos para o
nosso próprio canto da sala, quarto ou mesmo mundo. O nosso lugar de segurança,
aonde estamos seguros, protegidos e longe dos problemas.
    Há várias e
diversas formas de o fazer, o refúgio que procuramos pode muito bem ser uma
viagem mental ao desconhecido e distante mundo de faz de conta, aí nesse mundo
mental, perfeitamente seguros, encontramos a paz e conforto que procuramos porque
a realidade da vida por vezes trás com ela momentos desagradáveis. Nessas
alturas, temos de ausentar e deixar por momentos os problemas a uma certa distância,
para que de certa forma, os possamos resolver, pois só com a paz de espírito os
problemas complicados conseguem ser resolvidos.
    Desvantagem
de tudo isto é que quanto mais longe nos ausentamos, mais perto do nada nos aproximamos,
ironia do destino é que para chegar aonde queremos mais longe de tudo ficamos.


0 Responses to “Longe, perto do nada.”



  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: